ambientalpestcontrol@hotmail.com - (81) 3077-4305 / (81) 3061-6317 / (81) 99862-7011  -  CNPJ 00.812.380/0001-69

  • Facebook - White Circle

DESCUPINIZAÇÃO

Descupinização em Recife

A nomenclatura está relacionada ao controle de Cupins (Cupins de Solo ou Subterrâneos,  Cupins de Madeira Seca ou Cupins Arbóreos) em geral, A Descupinização é um subgênero do que conhecemos como, Dedetização ou Detetização, como alguns costumam chamar.

 

O Cupins causam danos irreversíveis ao nosso patrimônio. Os Cupins de Madeira Seca ou como alguns, erroneamente chamam, Polia, são mais comuns sendo facilmente reconhecidos por um "pó" característico que aparece nos móveis atacados, esse pó granulado nada mais é do que as "Pelotas Fecais", ou melhor, as Fezes! dos insetos.

Os Cupins Subterrâneos também são facilmente visualizados, pois criam trilhas de terra para se locomoverem de um ponto a outro atrás de alimento (celulose). Essa espécie é bem mais perigosa, seus danos são extensos e podem causar sérios acidentes, como por exemplo: Desabamento de um telhado.

> Conheça os métodos de controle de uma DESCUPINIZAÇÃO em Recife - PE :

Hoje em dia empresas de Dedetização costumam executar basicamente 03 (três) métodos de aplicação que ensejam o Gênero DESCUPINIZAÇÃO EM RECIFE, são eles:

1- Injeção de Cupinicida por Agulha: 

Neste método o aplicador faz uso de bicos em formato de agulha para poder injetar a calda de inseticida nos focos evidenciados por uma inspeção minuciosa. Técnica muito utilizada no controle de Cupins de Madeira Seca (cryptotermes brevis).

2- Barreira Qúimica:

Método de Descupinização que envolve a perfuração do solo e aplicação de veneno através de um equipamento chamando de "Trado", técnica muito utilizada no controle de cupins de solo.

3- Pulverização:   É utilizada de forma preventiva em locais como armários, guarda-roupas e ambientes, que elimina a praga por meio de contato no local pulverizado. Ou seja, em poucos momentos em que os cupins saem das galerias e do solo, que chamamos de período de "revoada".

Utilização do "Trado"

DÚVIDAS sobre descupinização?